As eleições na cidade de Bello, na Colômbia, fazem notícia pelo insólito. O único partido a votos para as eleições municipais perdeu as eleições. Mas, não havia oposição. Pois não. German Antonio Londoño Roldan foi «traído» pelo voto em branco. O candidato recebeu 37,19 por cento dos votos e os votos em branco foram 56.7 por cento, segundo o jornal Colombia Reports.

Ora, de acordo com a lei eleitoral colombiana, as eleições precisam de ser repetidas se nenhum candidato receber 50 por cento dos votos. Mesmo que haja apenas um candidato. Caso para dizer que até ao lavar dos cestos é víndima e Londoño engoliu em seco se cantou vitória antes da hora. As eleições vão agora ser repetidas.

German Antonio Londoño Roldan acabou a correr sozinho ao município depois dos adversários terem desistido e a principal rival afastada por irregularidades na candidatura. Afastada da corrida, mas não derrotada afinal. Luz Imelda Ochoa liderou o movimento civil de oposição a Londoño que apelou ao voto em branco. Ochoa não ganhou as eleições, mas, não deixou de saborear a vitória.