Uma pintura surrealista foi encontrada esta quinta-feira na zona da reciclagem do aeroporto de Dusseldorf, na Alemanha. Até aqui tudo normal, não fosse o quadro valer 280 mil euros.

O quadro pertence a um empresário que deixou a obra pintada pelo francês Yves Tanguy na zona do check-in do aeroporto quando se preparava para embarcar para a cidade israelita de Tel Aviv, no dia 27 de novembro.

Acabou por ser encontrado por responsáveis do aeroporto na zona da lixeira.

O dono da obra, que não foi identificado, deu pela falta do quadro quando aterrou em Israel.

Depois de enviar muitos e-mails às autoridades responsáveis, o homem simplesmente não conseguia encontrar a pintura, que mede 40 centímetros por 60.

Kunst im Müll

Nein, es geht nicht um Joseph Beuys. Ein Geschäftsmann auf dem Weg nach Tel Aviv hatte an einem Counter...

Publicado por Polizei NRW Düsseldorf em  Quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

O caso ficou resolvido devido ao sobrinho do dono do quadro. O jovem apanhou um voo da Bélgica rumo a Dusseldorf, onde falou com a polícia de forma mais direta, fornecendo informações mais precisas sobre o objeto.

O porta-voz da polícia da cidade alemã, Andre Hartwig, revelou que um dos agentes acabou por conseguir identificar a obra de que o jovem falava.

Esta foi definitivamente uma das histórias mais felizes deste ano. É um autêntico trabalho de detetive", afirmou Andre Hartwig.

António Guimarães