A polícia neozelandesa foi surpreendida por um telefonema de um menino de quatro anos, que convidou os agentes para verem os seus brinquedos.

A conversa entre a criança, que não foi identificada, e as autoridades ficou gravada e o áudio foi partilhado nas redes sociais.

Olá, senhora polícia. Posso dizer-te uma coisa? Tenho alguns brinquedos para ti. Vem cá vê-los"​​, começou por dizer.

A agente que atendeu a chamada percebeu de imediato que estava a falar com uma criança e conversou calmamente com o menino.

Posteriormente, a polícia contactou os pais para confirmar que estava tudo bem.

Só para tentar perceber, houve alguma emergência ou foi só uma criança a cometer um erro?", perguntou a polícia.

O pai do menino acabou por confirmar que foi um erro e que estava tudo bem.

Mais tarde, os agentes decidiram entrar na brincadeira e atenderam ao pedido da criança.

Há uma criança de 4 anos que quer mostrar os seus brinquedos à polícia, escuto", disse um agente.  as autoridades. "Sim, eu vou tratar disso", respondeu outro.

Nas redes sociais, as autoridades neozelandesas aproveitaram para lembrar que chamadas desta natureza não devem ser realizadas.

Embora não encorajemos as crianças a ligar para o 111 [equivalente ao 112] para nos mostrarem os seus brinquedos, isto foi demasiado fofo para não ser partilhado", escreveu a polícia.

 

Redação / IC