A utilização da palavra "understand" (entendido) em vez da palavra "confirm" (confirmar) quase causou um acidente no aeroporto de Charles de Gaulle, em Paris. O incidente aconteceu no 20 de julho do ano passado, mas só agora veio a público.

De acordo com o relatório da autoridade francesa de investigação de segurança aérea para a aviação civil (BEA), o incidente envolveu um Boeing 787 da United Airlines e um Airbus A320 da EasyJet.

Segundo a investigação, naquele dia, as aterragens estavam a ser realizadas no lado esquerdo da pista 9 e as descolagens no lado direito.

O avião da United Airlines estava pronto para aterrar no lado esquerdo da pista, quando o controlador aéreo disse acidentalmente em inglês que ele poderia aterrar no lado direito "9 right".

Para pedir confirmação dessa mudança, o piloto utilizou a palavra  "understand" (entendido), o que gerou alguma confusão. Segundo as regras, ele deveria ter utilizado "confirm" (confirmar) para pedir ao controlador aéreo para confirmar a ordem de aterragem.

O avião da EasyJet, que estava a sair da pista 9, viu o avião a aproximar-se e alertou-o de imediato da possível colisão.

Estão a pousar na pista errada. Saiam deste local ”, sinalizou o co-piloto via rádio, citado pelo jornal italiano Europa Today.

O Boeing da United Airlines, que estava a apenas 1,300 metros do final da pista, conseguiu mudar de direção a tempo e evitou a colisão com Airbus A320 da EasyJet.

Redação / IC