Jean Van Leandeghem, de 65 anos e morador na cidade belga Turnhot, vive um autêntico pesadelo há quase 10 anos. Recebe pizza e outros artigos de fast food há quase 10 anos, praticamente todos os dias, sem nunca ter pedido nenhuma.

A princípio, Jean achou que pudesse ser uma troca de endereços e reportou os incidentes aos restaurantes que lhe fizeram as entregas em casa. Mas rapidamente percebeu que não havia engano nenhum.

O que para muitos pode parecer um sonho – fast food em casa sem pedir quase todos os dias – para Jean tornou-se um pesadelo. A campainha toca várias vezes ao dia e a horas que não lembram a ninguém. “Pode ser em dias da semana ou durante os fins-de-semana a qualquer altura do dia. [As encomendas chegam de] serviços de entrega em Turnhout, mas também de cidades das redondezas. Já tive entregas às 02:00”, disse Jean Van Leandeghem, em declarações ao jornal Het Laatste Nieuws, que é citado pelo The Brussels Times.

Já não consigo dormir. Até tremo quando ouço uma mota a aproximar-se na rua. Só penso que lá vem outra vez pizza quente outra vez”, conta.

A situação já tomou tais proporções que, em janeiro de 2019, num único dia, recebeu a visita de 10 entregadores. Um deles trouxe-lhe 14 pizzas. Jean recusou sempre as entregas e nunca as pagou, mas sente pena dos restaurantes.

Isto custa-lhes dinheiro e eles têm de deitar a comida fora. Nesse dia em que apareceram 10 entregadores, eu fiz as contas e eram quase 450 euros em comida”, disse.

Jean não é a única vítima. Uma amiga, que vive noutra cidade, também está a sofrer com o mesmo problema. Também anda a receber fast food que nunca encomendou há pelo menos nove anos. Já se avisam um ao outro quando recebem uma encomenda, porque é provável que o outro venha a receber a seguir.

A situação foi reportada várias vezes às autoridades. Já se concluiu que alguém lhes está, no mínimo, a pregar uma partida. Até desconfiam de quem seja, mas não têm provas. Mas Jean promete que, quando conseguir provar, o ‘engraçadinho’ “não viverá o melhor dos seus dias”.

Manuela Micael