Para fugir ao serviço militar obrigatório, um rapaz de 24 anos decidiu casar com a própria prima, de 81, na Ucrânia. 

De acordo com o Daily Mail, Alexander Kondratyuk negou que tenha casado com a prima, que sofre de algumas incapacidades, apenas para não cumprir o serviço militar obrigatório e alegou que desenvolveu uma relação muito forte com Zinaida Illarionovna, que é 57 anos mais velha que ele. 

Na Ucrânia todos os homens são obrigados a servir o exército, sendo que, existem algumas exceções, como por exemplo, cuidar da esposa que é debilitada e precisa de cuidados médicos. Foi esse o plano de Alexander.

Uma vez que tem uma prima incapacitada, decidiu casar com ela e apresentar a documentação ao estado em como não poderia cumprir o serviço militar obrigatório. 

A idosa respondeu a algumas perguntas feitas por meios de comunicação locais, dizendo que o rapaz era bom marido e que cuidava bem dela. No entanto, a vizinhança disse que não o costuma ver por aquela zona. 

Apesar do jovem possuir a documentação correta e necessária para não prestar o serviço militar, o Exército poderia tentar provar que o casal não partilha casa. Ainda assim, um oficial desta ramo das Forças Armadas afirmou que não vai investigar o caso.