O sul-africano Chris Bertish é a primeira pessoa a atravessar o Oceano Atlântico numa prancha de stand-up paddle (remo em pé), sozinho e sem assistência.

O surfista percorreu 4.500 milhas, cerca de 7.242 quilómetros, em 93 dias, tendo concluído a viagem na manhã desta quinta-feira. 

Bertish partiu de Agadir, em Marrocos, no dia 6 de dezembro, e chegou à ilha de Antígua esta manhã. Por dia, remou o equivalente a uma maratona. 

Passou o Natal e o Ano Novo no mar e, ao longo da viagem, foi partilhando fotos na sua página de Facebook.

A prancha de Bertish foi feita de propósito para este percurso. Tem cerca de seis metros de comprimento, uma pequena cabine e painéis solares.

O momento em que concluiu a viagem foi captado em vídeo.

 

Este é apenas um dos feitos deste amante de desportos aquáticos. O sul-africano já surfou algumas das maiores ondas de que se tem memória, tendo vencido o “Maverick Big Wave Invitational”, em 2010.

Em 2013, estabeleceu o recorde mundial de 12 horas numa prancha de stand-up paddle sem parar, na África do Sul, e fez também o melhor tempo a atravessar o Canal da Mancha numa prancha de stand-up paddle (cinco horas e 26 minutos).