Uma cobra pitão atacou um tratador do jardim zoológico no Emperor Valley Zoo, em Trinidad e Tobago. O homem foi mordido quando estava a colocar um coelho para alimentar o animal. Alguns dos turistas filmaram o incidente.

A cobra é uma pitão birmanesa, uma das cinco maiores espécies de cobra do mundo. O animal dá pelo nome de Mostarda e é uma variante albina da pitão birmanesa. Estas serpentes podem atingir os oito metros de comprimento e costumam alimentar-se de animais de grande porte, como veados ou porcos.

Assim que abriu a jaula onde estava a cobra, o homem foi imediatamente atacado na zona do abdómen. Por sorte, este é um tipo de cobra constritora, pelo que não tem veneno. Para caçar utiliza a força dos músculos, enrolando-se à volta da vítima, matando-a por asfixia.