Uma gata que ficou, literalmente, congelada, depois de ter sido encontrada pelos donos enterrada na neve, durante a vaga de frio nos Estados Unidos, foi salva por uma equipa de veterinários no estado de Montana.

Fluffy foi encontrada, na semana passada, coberta de gelo, sem sentidos e com uma temperatura corporal tão baixa que nem surgia no termómetro da clínica de Kalispell.

A gata foi reaquecida com recurso a toalhas, aquecedores e líquidos por via intravenosa. Uma hora depois, Fluffy começou a dar sinal de vida.

Fluffy, de três anos, regressou a casa nesta quinta-feira.

A gata, que viveu sempre na rua, foi adotada nos últimos dois anos pelos novos proprietários da casa, que a encontravam junto à habitação quando se mudaram.

Mas, depois do susto, os donos, que não quiseram ser identificados, vão tentar mantê-la dentro de portas.