Um curandeiro indiano não lava nem corta o cabelo há mais de 40 anos, acreditando que as suas rastas são "uma bênção de Deus". O cabelo tem quase dois metros de comprimento.  

Sakal Dev Tuddu, 63 anos, diz que as rastas se formaram espontaneamente e revela que Deus lhe apareceu num sonho e lhe disse para não cortar o cabelo.

A forma que encontra para manter o cabelo limpo é atá-lo no topo da cabeça sempre que sai de casa para que não arraste no chão.  

Sakal afirma também que Deus lhe pediu que parasse de beber e fumar como prova de devoção.

Na sua comunidade na área de Munger, no estado de Bihar, é conhecido pelos tratamentos naturais para casais inférteis.

Sakal vive com a mulher, que não tem problemas com o comprimento do cabelo, e com os três filhos e três filhas e ainda sete netos.