Um professor de ciência política, convidado pela BBC para falar sobre a destituição da presidente da Coreia do Sul, foi interrompido pelos filhos em plena entrevista ao canal britânico. O momento caricato tornou-se viral nas redes sociais.

Robert E. Kelly, professor de ciência política numa universidade da Coreia do Sul, estava a responder às perguntas do jornalista da BBC por videochamada, no escritório de casa, quando tudo aconteceu.

De repente, a filha pequena entrou a dançar e aproximou-se do pai, que tentou manter a postura séria. O jornalista da BBC reagiu com humor: “acho que um dos seus filhos acabou de entrar”. Mas a cena não ficou por aqui. Passados poucos instantes, um bebé, num andarilho, também entrou na sala. E por último, entrou uma mulher, visivelmente aflita, que retirou as crianças da divisão.

A cena durou cerca de 40 segundos. Perante a situação caricata, Robert E. Kelly esboçou um sorriso e pediu desculpas. O vídeo tornou-se viral nas redes sociais.