Um polícia ajudou uma mulher a dar à luz em plena autoestrada, depois de ter mandado parar o carro em que esta viajava por excesso de velocidade. Aconteceu no sábado, na Carolina do Norte, nos Estados Unidos.

De acordo com a emissora de televisão KFOR, Laura e o marido, Jimmy Baker, estavam a dirigir-se para o hospital a alta velocidade devido às fortes contrações que a mulher estava a sentir.

Assim que entrei no carro, as minhas águas rebentaram. Pensei logo que não íamos chegar a tempo ao hospital. O meu marido começou a acelerar e a fazer sinais de luzes ao polícia'”, contou Laura à KFOR-TV.

O agente Brian Maynard, da polícia de Wake County, preparava-se para passar uma multa de excesso de velocidade até se aperceber do desespero do casal. 

O meu marido começou a acenar ao polícia e disse-lhe: ‘A minha esposa entrou em trabalho de parto e eu preciso mesmo de ajuda’.”

Perante a aflição do homem, Brian Maynard percebeu que o bebé vinha mesmo a caminho e chamou rapidamente uma ambulância, mas sabia que esta não iria chegar a tempo. Por isso, decidiu ser ele mesmo a realizar o parto na autoestrada 64 e dentro do carro do casal.

Por sua vez, Brian ficou muito aliviada por ter conseguido ajudar o casal e por tudo ter corrido bem.

Eu disse ‘Ok, bem, vamos fazer isto aqui os três.’ Entrei em contacto com os serviços de emergência, expliquei o que iria fazer e peguei em luvas e num cobertor. Foi interessante e muito assustador. Apenas tentei fazer o melhor que sabia e aquilo que via na televisão. Estou aliviado por tudo ter corrido bem”, afirmou o polícia.

 

 

Com a ajuda dos dois homens e num parto que durou apenas cinco minutos, Laura conseguiu dar à luz Halyn.

O meu marido e o polícia estavam nervosos porque não estavam preparados. Mas, sem eles, não sei como teria sido. Foi uma experiência de cinco minutos, mas foi uma experiência de cinco minutos vital”, afirmou a recente mãe à televisão WMAR.

O casal e a bebé foram, mais tarde, transportados para o hospital WakMed, em Raleigh, na cidade de Wake County.

Halyn nasceu saudável e é uma menina perfeita”, afirmou Laura.