Um homem britânico pediu a namorada em casamento no Central Park, onde a noiva disse o tão esperado “sim”. No entanto, e para grande desgosto do casal, o anel de noivado desapareceu logo após o momento romântico e foi protagonista de uma história que se tornou viral.

Primeiro, Daniella Anthony e John Drennan, que vivem em Peterborough, em Inglaterra, viajaram para Nova Iorque para celebrarem dez anos de namoro. Num cenário de "sonho", rodeados por um ambiente de outono e por pouca gente no local, John decidiu pedir em casamento a sua namorada, Daniella, no Central Park, o maior e mais conhecido parque urbano de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

John confidenciou à BBC que esperou dois dias para pedir a namorada em casamento porque queria fazê-lo no momento certo, que acabou por acontecer na sexta-feira. No entanto, parece que o noivo não acertou no tamanho do anel de noivado e acabou por oferecer à namorada uma aliança demasiado grande.

Tentei dizer ao John que era demasiado grande, mas ele insistiu que eu usasse”, contou a noiva à BBC.

 

Disse-lhe que estava ótimo. Estava muito feliz por finalmente chamá-la de minha noiva depois de todo este tempo”, acrescentou John.

Depois do pedido, os noivos decidiram ir até Times Square, para assistirem a um espetáculo de Natal na famosa praça da cidade, e foi aí que o inesperado aconteceu.

Estávamos a voltar para o hotel. Ainda consigo visualizar o anel: a balançar uma vez, a balançar duas vezes e depois foi-se”, contou o homem.

O anel acabou por cair “direitinho” no esgoto, sem que Daniella e John conseguissem evitar. O casal chamou a polícia, que levantou o gradeamento para tentar ajudá-los a encontrar o anel. Estiveram ainda durante duas horas no local a tentar localizar a aliança, mas sem sucesso.

Acabámos por presumir que o anel estava mesmo perdido. No final, não tivemos escolha a não ser ir embora e tentar aproveitar o resto do nosso fim de semana”.

Os noivos ficaram desolados ao saber que não seria possível recuperar o anel e acabaram por regressar a casa no Reino Unido, no domingo, sem deixarem a sua identificação às autoridades. Quando chegaram a casa, o casal pensou em comprar um outro anel para substituir o anterior e para o pedido ficar oficializado.

Não conseguia suportar a ideia de ela não ter um anel”, disse o noivo.

Ao pensar isto, mal John sabia que a polícia de Nova Iorque, que não quis ficar de fora deste romântico momento, tinha conseguido recuperar a aliança.

Através das redes sociais, as autoridades divulgaram as imagens das câmaras de vigilância do local, em que é possível ver o casal desesperado à procura da aliança. Na sua página de Twitter, a polícia nova-iorquina lançou o apelo para que quem soubesse a identidade do casal partilhasse a informação. O anel estava são e salvo e o objetivo era devolvê-lo aos seus donos.

Foi através das 29 mil partilhas e dos quase 2 mil comentários à publicação que a polícia, com a ajuda de vários internautas, conseguiu identificar o casal.

Nem Daniella nem John tinham conta no Twitter, por isso estavam longe de saber o que se estava a passar e de como a sua história se estava a tornar viral. Foi através de um amigo que o casal teve conhecimento do pedido da polícia que estava a circular na Internet.

Nem conseguimos acreditar. Pensámos que o anel tinha mesmo desaparecido. Estamos muito agradecidos a todos aqueles que partilharam a nossa história, especialmente ao Departamento da Polícia de Nova Iorque”, afirmou Daniella no Twitter.

Apesar de a polícia ter escrito que o pedido tinha sido feito no mesmo local em que o anel tinha sido perdido, John explicou à BBC que houve uma confusão.

Apenas quero clarificar que não pedi a Daniella em casamento em cima do gradeamento do esgoto, no Times Square. Aí foi onde perdemos o anel!”

A história acabou com um desfecho feliz este domingo. A polícia nova-iorquina fez uma nova publicação com as imagens dos noivos, onde se pode ver o anel de noivado novamente no dedo de Daniella.