"Colocaremos tantos crocodilos quanto pudermos. Eu próprio irei procurar os mais ferozes", afirmou o responsável, citado pela AFP.

"Os crocodilos não podem ser subornados e vocês não conseguem convencê-los a deixar fugir os presos", acrescentou.