Últimas Covid-19

Todas as notícias sobre o novo coronavírus que está a preocupar as autoridades a nível mundial.
11 Setembro 2020
6 abr, 12:40

Singapura coloca quase 20 mil trabalhadores estrangeiros em quarentena

Singapura colocou quase 20.000 trabalhadores estrangeiros em quarentena nos seus dormitórios, depois de um número crescente de pessoas na comunidade ser infetada pela covid-19.

O país determinou que dois dormitórios estrangeiros fiquem em isolamento, o que significa que os milhares de trabalhadores que moram nos dois locais não poderão sair dos seus quartos por 14 dias, de acordo com um comunicado de imprensa do ministério da Saúde de Singapura divulgado no domingo.

Até agora, os dois dormitórios já registaram mais de 90 casos de covid-19.

A medida ocorre quando Singapura regista um aumento nos casos locais da covid-19, com o registo de 116 casos no domingo.

Singapura também entrará efetivamente num confinamento a partir de terça-feira, encerrando escolas e locais de trabalho considerados como prestadores de serviços não essenciais por um mês.

Os trabalhadores em quarentena continuarão a receber salários, informou o ministério.

Os responsáveis dos dormitórios estão a trabalhar com as autoridades para reduzir a densidade dos seus residentes, transferindo alguns trabalhadores para acomodações alternativas durante esse período.



AO MINUTO

10:12

África regista 204 mortos e mais de sete mil casos em 24 horas

África registou mais 204 mortos devido à covid-19 nas últimas 24 horas, subindo para 35.954 óbitos, num total de 1.472.433 infetados, segundo os dados mais recentes sobre a pandemia no continente.

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), nas últimas 24 horas houve nos 55 Estados-membros da organização mais 7.410 casos da doença e 6.909 recuperados, para um total de 1.217.457.

Segundo o África CDC, a África Austral continua a registar o maior número de casos de infeção e de mortos, com 17.919 vítimas mortais num universo de 735.520 infetados.

09:39
09:15

Alemanha regista 1.798 casos nas últimas 24 horas

A autoridades alemãs declararam hoje que registaram 1.798 casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas, um dia após a aprovação de medidas mais rígidas para conter a propagação do vírus, que provoca a doença covid-19.

No total, a Alemanha contabiliza 289.219 casos de infeções pelo novo coronavírus - numa população de 83,2 milhões de pessoas -, dos quais cerca de 256 mil já recuperaram da doença.

O número de mortos subiu para 9.488 pessoas, incluindo os 17 óbitos nas últimas 24 horas.

08:50

Israel impõem severas medidas contra realização de manifestações

Israel aprovou de madrugada polémicas medidas sobre a realização de manifestações para travar a propagação da covid-19 e que vão limitar os grandes protestos semanais contra o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu.

Até ao momento não tinham sido aprovadas medidas específicas sobre manifestações, apesar do confinamento, mas as novas restrições indicam que são apenas permitidos protestos de menos de duas mil pessoas divididas em grupos isolados de vinte manifestantes e que não podem concentrar-se a mais de um quilómetro da casa onde residem.

07:50

PIB do Reino Unido cai quase 20% no segundo trimestre

O produto interno bruto (PIB) do Reino Unido caiu 19,8% no segundo trimestre, em comparação com os três meses anteriores, de acordo com os números divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (ONS).

No primeiro semestre do ano, o PIB britânico diminuiu 21,8% em relação aos seis meses anteriores, acrescentou o Instituto Nacional de Estatística britânico.

07:26

Índia registou 1.179 mortes e 80.472 casos nas últimas 24 horas

A Índia registou 1.179 mortes provocadas pelo novo coronavírus no último dia, além de 80.472 casos, um declínio no número diário de infeções, que chegaram a rondar 100 mil em meados deste mês, anunciaram as autoridades.

Desde o início da pandemia, a Índia contabilizou 97.497 mortos e mais de 6,2 milhões de casos, com 2,5 milhões só em setembro, esperando-se que em algumas semanas ultrapasse os Estados Unidos, atualmente o país com mais infetados (mais de 7,1 milhões).

Na terça-feira, um estudo serológico realizado pelo Conselho Indiano de Investigação Médica revelou que 6,6% da população daquele país com mais de 10 anos já foi exposta ao novo coronavírus, o que corresponde a cerca de 62 milhões de pessoas.

07:19

Vereador da Educação de Lisboa propõe testagem gratuita de professores, alunos e auxiliares

O vereador da Educação da Câmara de Lisboa propõe a testagem à covid-19 de professores, alunos e assistentes operacionais da cidade, com recurso a testes rápidos, salientando a importância da identificação precoce de casos positivos pré-sintomáticos.

“A reabertura da escola faz aumentar os contactos sociais e consequentemente faz aumentar o risco de contágio. Garantindo a continuidade das aprendizagens, precisamos de encontrar uma forma de dar confiança à comunidade escolar. A identificação de eventuais casos positivos é uma medida de prevenção que deve ser aplicada de forma generalizada”, disse à Lusa o vereador Manuel Grilo (BE, partido que tem um acordo de governação da cidade com o PS).

07:12

Argentina regista 406 mortos e mais de 13 mil casos nas últimas 24 horas

A Argentina registou 406 mortos e 13.477 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando o número de óbitos para 16.519 e de casos para 736.609, de acordo com as autoridades.

O Ministério da Saúde informou na segunda-feira que a província de Buenos Aires continua a ser aquela com o maior número de casos confirmados até o momento (406.406) seguida pela capital do país, com 125.068 infeções confirmadas, 993 delas notificadas na terça-feira.

As autoridades salientaram ainda que 585.857 pacientes foram dados como recuperados.

07:11

EUA registam 871 mortos e mais de 39 mil casos nas últimas 24 horas

Os Estados Unidos registaram 871 mortos e 39.457 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo a contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

Com este último balanço o país atingiu um total de 205.895 óbitos e 7.186.527 casos confirmados na segunda-feira.

Apesar de Nova Iorque não ser mais o estado com maior número de infeções, ainda é o mais afetado em termos de mortes nos Estados Unidos, com 33.144 mais do que no Peru, França ou Espanha.

23:29

Mais 863 mortos e 32.058 casos no Brasil em 24 horas

O Brasil registou 863 mortos e 32.058 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, informou hoje o Ministério da Saúde, acrescentando que investiga a possível relação de 2.501 óbitos com a doença.

Das 863 mortes, 598 ocorreram nos últimos três dias, mas apenas foram incorporadas nos dados de hoje, após confirmação da causa de óbito.

Segundo o último boletim epidemiológico da tutela da Saúde, o Brasil totaliza agora 142.921 vítimas mortais e 4.777.522 casos de infeção desde o início da pandemia, que foi registada oficialmente no país em 26 de fevereiro.

No Brasil, país lusófono mais afetado pela pandemia, 4.135.088 pacientes já recuperaram da covid-19, enquanto que 499.513 infetados estão sob acompanhamento médico.

Geograficamente, os estados que concentram o maior número de infeções são São Paulo (979.519), foco da pandemia no país, Bahia (308.252), Minas Gerais (292.291) e Rio de Janeiro (263.699).

Já as unidades federativas com mais mortes são São Paulo (35.391), seguido pelo Rio de Janeiro (18.388), Ceará (8.950) e Pernambuco (8.222).

Hoje, foi noticiado que docentes e estudantes da Universidade de Brasília e do Instituto Federal de Brasília (IFB) estão a desenvolver um protótipo de equipamento de ventilação capaz de filtrar moléculas do novo coronavírus que estejam em circulação no ar. O aparelho de baixo custo foi pensado para ambientes hospitalares, onde há uma maior vulnerabilidade de contágio por covid-19.

A capacidade de descontaminação do ar pelo aparelho foi testada por testes biológicos que comprovaram sua eficiência, segundo o jornal Correio Braziliense.

"O equipamento filtra o ar utilizando basicamente a aceleração, projeção centrífuga e sedimentação, tratando 40 litros de ar por minuto, com um protótipo de pequeno porte. Estamos a fazer um modelo mais robusto para o dia a dia, com proteção para questões de ruído, limpeza, movimentação e tempo de operação", indicou ao jornal o professor Yuri Cesar Toledo, um dos representantes do IFB no projeto.

"A ideia é que esse contaminante (novo coronavírus) seja eliminado antes de tocar nas máscaras, roupas, cabelos, superfícies e outros meios que possam servir de abrigo para o novo coronavírus", acrescentou o docente.

23:22

Contas do Governo brasileiro foram deficitárias em 14,5 mil ME em agosto

As contas do Governo brasileiro registaram um défice primário de 96,096 mil milhões de reais (14,5 mil milhões de euros, câmbio atual) em agosto último, o pior valor da série histórica para o mês.

Os dados foram divulgados hoje pelo Tesouro Nacional e, além de mostrarem o pior desempenho para um mês de agosto na série histórica, que teve início em 1997, indicam um 'rombo' quase seis vezes superior ao registado no mesmo mês do ano passado, quando o saldo negativo foi de 16,821 mil milhões de reais (2,54 mil milhões de euros).

O resultado primário do Governo Central brasileiro inclui as contas do Tesouro Nacional, do banco central e da previdência social (segurança social), excluídas as despesas com juros.

Apesar do desempenho, o resultado foi melhor do que o estimado por analistas de mercado, que calcularam que o resultado negativo ficaria em 98 mil milhões de reais (14,8 mil milhões de euros) no mês passado.

Já no acumulado do ano, entre janeiro e agosto, o défice nas contas públicas do Governo federal chegou a 601,3 mil milhões de reais (90,78 mil milhões de euros), também o pior desempenho para o período da série histórica.

O resultado negativo das contas do executivo do Brasil, presidido por Jair Bolsonaro, está relacionado com as medidas de combate à pandemia do novo coronavírus, que já custou 366,5 mil milhões de reais (55,3 mil milhões de euros) aos cofres públicos no acumulado do ano até agosto.

Apenas em agosto, as despesas com a pandemia de covid-19 somaram 93,1 mil milhões de reais (14,06 mil milhões de euros).

“No resultado fiscal de agosto, observa-se que há continuidade dos efeitos da crise da covid-19 nas contas públicas, tanto no aumento das despesas que viabilizam as políticas públicas de emergência, como na redução da receita por conta da queda da atividade económica”, informou o Tesouro.

Na segunda-feira, o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, disse em audiência pública no Congresso que o Brasil encerrará o ano com um défice de 871 mil milhões de reais (131,5 mil milhões de euros), tendo apenas em consideração as contas do Governo federal.

A dívida pública federal do Brasil, que inclui o endividamento interno e externo do Governo, subiu 1,56% em agosto em relação a julho, passando para 4,412 biliões de reais (67 mil milhões de euros), divulgou o Tesouro na segunda-feira.

“Ressalte-se que, até o final do ano, a dívida continuará a crescer, podendo alcançar valores próximos de 94% do Produto Interno Bruto. Como já destacado algumas vezes pela Secretaria do Tesouro Nacional, a dívida bruta nessa magnitude para um país como Brasil é muito elevada se comparada com a média esperada para países emergentes de 62% para 2020”, indicou o órgão governamental.

22:50
VÍDEO

O elogio de von der Leyen a Portugal: "Não consigo pensar num país melhor para nos guiar na tempestade"

A presidente da Comissão Europeia elogiou a resposta de Portugal à pandemia e à forma como os portugueses, com grande sacrifício, ultrapassaram a última crise. E garantiu que esta comissão está para o que for preciso.

Ontem às 21:36
22:50
VÍDEO

Covid-19: há 51 surtos ativos em lares de idosos

Um dos surtos regista-se num lar no Magoito, em Sintra. Cinco utentes morreram e há 21 infetados - 15 residentes e seis funcionários.

Ontem às 21:25
22:50
VÍDEO

Segunda vaga de covid-19: Madrid novamente no olho do furacão

O número oficial de vítimas mortais de covid-19 ultrapassou um milhão, mas a Organização Mundial da Saúde sublinha que esse é um número subestimado.

Certo é que a pandemia ainda não tem fim à vista.

Na Europa, por exemplo, a região de Madrid volta a estar no olho do furacão depois de ter sido fustigada duramente na primeira vaga.

Ontem às 21:18
22:50
VÍDEO

TVI mostra-lhe o bloco operatório do Hospital de Beja após surto de covid-19

O Hospital de Beja regista 31 casos de profissionais de saúde infetados com covid-19. O bloco operatório só funciona para urgências e a Unidade de Obstetrícia e Ginecologia está mesmo encerrada.

A TVI visitou em exclusivo o bloco operatório e acompanhou uma ação de desinfeção do espaço, em simultâneo com a resposta a uma urgência de ortopedia.
 

Ontem às 20:50
22:50
VÍDEO

Covid-19: maior parte das infeções ocorrem na região de Lisboa

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais seis mortos e 688 casos de infeção por covid-19, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde.

De acordo com o documento, há 661 pessoas internadas, mais duas que na véspera. Nos cuidados intensivos está mais uma pessoa, num total de 99.

Ontem às 20:46
22:50
VÍDEO

Marta Temido admite estar cansada: "Não posso desistir. Seria uma cobardia"

A ministra da Saúde esteve no "Dia de Cristina", onde falou das dificuldades do desafio que enfrenta em tempos de pandemia.

Marta Temido assumiu estar cansada, mas recusa desistir, porque isso, afirmou, seria uma cobardia.

Ontem às 20:09
22:49
VÍDEO

Covid-19: só em Madrid há mais de 400 bebé infetados

A TVI continua a acompanhar a situação em Espanha, com a reportagem diária dos enviados-especiais a Madrid.

E hoje com um olhar particular para o número de bebés infetados com o novo coronavírus e para a preocupação crescente que essa subida está a provocar.

Ontem às 22:42
22:49
VÍDEO

Trump vs Biden: debate vai ser duro, feio e todos vão querer vê-lo

Esta noite, os olhos do mundo vão estar virados para a América e para o primeiro debate presidencial entre Donald Trump e Joe Biden.

Este é um dos momentos mais aguardados da campanha e os especialistas esperam que seja, acima de tudo, polémico.

Ontem às 22:37
22:49
VÍDEO

Presidente da Comissão Europeia "gosta de Portugal", diz Marcelo

Ursula von der Leyen foi a convidada do Presidente da República para participar no conselho de estado que se reuniu, esta tarde, em Cascais.

Uma reunião ao mais alto nível para falar sobre o futuro da Europa numa altura particularmente difícil.

Ontem às 22:30
Loading

N�o existem mais eventos...