A companhia aérea Japan Airlines precisa de 250.000 milhões de Ienes (1.890 milhões de euros) para financiar o seu plano de reestruturação, revela o diário «Nikkei», citado pela EFECOM.

A empresa vai pedir 100.000 milhões de Ienes (755 milhões de euros) em empréstimos e tentará realizar uma verba semelhante através da venda de acções e a emissão de novos títulos.

Em estudo está uma eventual aliança com a companhia norte-americana Delta Airlines, que mostrou interesse em investir até 50.000 milhões de Ienes (377 milhões de euros) na empresa nipónica.

A Japan Airlines perdeu 723 milhões de euros entre Abril e Junho e vai ter que despedir 1.200 trabalhadores. A empresa antecipa perdas brutas de quase 500 milhões de euros.