As taxas Euribor continuam a cair, tendo renovado novos mínimos, com o mercado à espera de novos cortes nos juros por parte do Banco Central Europeu (BCE).

A indexante a 3 meses desceu 0,013 pontos percentuais para 1,650%, o nível mais baixo de sempre pela vigésima sessão consecutiva.

Já a taxa a 6 meses, principal indexante nos contratos de crédito à habitação em Portugal, recuou 0,010 pontos percentuais para 1,79%, enquanto a taxa a 12 meses caiu para os 1,931%.

Recorde-se que as Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de bancos está disposto a emprestar dinheiro no mercado interbancário.

A autoridade monetária baixou recentemente os juros em 50 pontos base para os 1,5%, ou seja, o valor mais baixo de sempre.