Uma das figuras da vitória frente ao Peru, Neymar Jr tornou-se no melhor marcador do Brasil em jogos da qualificação sul-americana para Mundiais.

Ainda assim, no final da partida, o jogador do Paris Saint-Germain deixou um desabafo, já depois de desejar as melhoras a Pelé.

«O coletivo é o mais importante, sempre priorizei isso. Ao mesmo tempo, fico muito contente por ser o recordista de golos em jogos da qualificação para Mundiais, ser o jogador com mais assistências e, entretanto, se tudo correr bem, passar o Pelé [no número de golos]», começou por dizer, à TVI Globo.

«Estou muito feliz. Não sei o que é preciso fazer mais para as pessoas respeitarem o Neymar», acrescentou, deixando depois críticas à imprensa.

«Já é de há muito tempo, de vocês jornalistas, comentadores e outros também. Às vezes nem quero mais fazer entrevistas, mas em momentos importantes venho dar a minha opinião», atirou.