O Rio Ave está num ciclo de nove jornadas seguidas sem derrotas na Liga e pode, no domingo, bater o melhor registo de sempre do clube no escalão maior. Basta, para isso, não perder na receção ao Paços de Ferreira

Em caso de vitória, a equipa de Carlos Carvalhal chega aos 41 pontos e sobe ao quinto lugar do campeonato, apenas a dois pontos do Sporting. A tarefa não será simples, garante o timoneiro da nau rioavista. 

«O Paços de Ferreira é uma equipa muito organizada, tem um treinador muito promissor, que tem apresentado trabalho. Vai ser um jogo difícil, também um jogo difícil para o Paços. A equipa do Rio Ave vem de uma sequência de nove jogos sem conhecer o sabor da derrota. Os indicadores nas últimas semanas foram muito bons e estamos prontíssimos para regressar à competição», afirma o treinador, na antevisão ao primeiro jogo do novo ciclo competitivo. 

O Rio Ave vem de um empate no Dragão, em jogo realizado a 7 de março. Há três meses. «Tudo isto é novo. Novas rotinas. Primeiro estranha-se e depois entranha-se. Agora já se torna um pouco mais natural. Acima de tudo estamos preparados para jogar e isso é o mais importante.»

Para o Rio Ave-Paços de Ferreira, Carlos Carvalhal não contará com Borevkovic (castigado) e Jambor (lesionado).