As rendas das casas estão mais baixas. No último trimestre de 2020, a quebra de preço atingiu quase 17% em Lisboa na comparação com o mesmo período de 2019. Chegando ao nível de preços de 2017.

No Porto, as rendas caíram 4,5%, entre outubro e dezembro, face ao homólogo de 2019. O que não acontecia desde 2015.

Segundo o índice de rendas residenciais da Confidencial Imobiliário, a nível nacional, a oferta para arrendamento subiu 26% desde o primeiro trimestre de 2020, altura do início da pandemia, em parte devido à transformação do alojamento local em arrendamento habitacional.

Apesar da descida de valores, a renda média pedida por um T2, no quatro trimestre do ano que passou, era de 969 euros.

Voltando a Lisboa, a oferta foi impulsionada pela entrada no mercado de T0/T1 e T2. “Quer num quer noutro caso, a oferta aumentou cerca de 50% entre o 1º trimestre e o 4º trimestre de 2020”, acrescenta a publicação da especialidade, para concluir que, no caso da capital “o crescimento da oferta destas tipologias menores normalmente alocadas ao uso turístico é especialmente vincado em SMM [freguesia de Santa Maria Maior]”.

Mesmo assim, e como se pode ver pelo quadro em baixo, a média de preços de um T2 em Lisboa, era no final de 2020, 1.193 euros.

RENDA MÉDIA PEDIDA PARA UM APARTAMENTO T2 
  4º trimestre de 2020
LISBOA (Total) 1.193 €
Ajuda 984 €
Alcântara 1.093 €
Beato 821 €
Benfica 895 €
Campolide 1.131 €
Carnide 1.110 €
Lumiar 1.097 €
Marvila 957 €
Olivais 801 €
S Domingos de Benfica 1.086 €
Alvalade 1.205 €
Areeiro 1.274 €
Arroios 1.108 €
Avenidas Novas 1.439 €
Belém 1.204 €
Campo de Ourique 1. 219 €
Estrela 1 197 €
Misericórdia 1.254 €
Parque das Nações 1.376 €
Penha de França 885 €
Sta Clara 928 €
Sta Maria Maior 1.381 €
Sto António 1.845 €
São Vicente 1.209 €

No Porto, a tendência é semelhante a Lisboa. O volume de fogos para arrendar no 4º trimestre ficou 59% acima do 1º trimestre e também pouco mais de 72% acima do início de 2019. “Na Invicta o primeiro impacto da pandemia foi ainda mais forte, com o stock para arrendamento a disparar 65% entre o 1º e o 2º trimestres do ano.”

Na UF Centro Histórico, “que agrega mais de um terço dos fogos para arrendar na cidade, o aumento da oferta foi bastante mais vincado, duplicando entre o 1º e o 4º trimestres de 2020”, reforçam os dados da Confidencial Imobiliário.

Mais uma vez, apesar do aumenta da oferta e descida dos preços do arrendamento, a Confidencial Imobiliário, mostra que em média um T2 para arrendar custava 930 euros no final de 2020.

RENDA MÉDIA PEDIDA PARA UM APARTAMENTO T2 
  4º trimestre de 2020
PORTO (total) 930 €
Bonfim 850 €
Campanhã 679 €
Paranhos 748 €
Ramalde 1.157 €
UF Aldoar, Foz do Douro e Nevogilde 1.199 €
UF Centro Histórico do Porto 928 €
UF Lordelo do Ouro e Massarelos 883 €
Alda Martins