O Sporting é um dos clubes que formaram mais jogadores atualmente a jogar nas ligas de topo da Europa, revela uma análise do CIES – Observatório do Futebol. O estudo, que tem em conta atletas que atuaram nos clubes durante pelo menos três temporadas, entre os 15 e os 21 anos, é feito com base em duas listas: uma com as 31 ligas europeias e outra com os cinco principais campeonatos da Europa. Em ambas os leões surgem no top 10.

O Ajax lidera a tabela mais abrangente, com 77 jogadores formados no clube de Amesterdão a jogarem nos 31 principais campeonatos europeus. Segue-se o Dínamo de Kiev e o Partizan de Belgrado, ambos com 69, o Dínamo Zagreb com 66 e o Estrela Vermelha com 61.

Nesta lista, o Sporting é o 6.º, com 58 jogadores formados, mais quatro do que em 2017.

FC Porto e Benfica, com 45 jogadores, surgem mais abaixo na tabela, empatados com Olympique Lyon, e PSV, em 14.º lugar, e são os outros únicos representantes portugueses. Os Dragões têm tantos jogadores como no ano anterior. Já as águias têm menos sete.

Na lista mais restrita, que abrange os cinco principais campeonatos europeus (Inglaterra, Espanha, Itália, França e Alemanha), é o Real Madrid que dá cartas, com a formação merengue a dar 36 jogadores. Seguem-se Lyon, com 35, Barcelona com 34 e At. Bilbao com 36. PSG, Rennes e Manchester United formaram 24 dos jogadores. Da Real Sociedad saíram 23 e do Estugarda 22.

Em 10.º lugar, com 21 jogadores formados, está o Sporting (com mais cinco jogadores do que no anos passado), Atlético Madrid, Bordéus, Mónaco e Inter.

FC Porto e Benfica não integram esta lista, que termina com os clubes que formaram 11 atletas.