O Óscar para Melhor Actor foi parar às mãos de Sean Penn. É a quinta nomeação da Academia e o segundo Óscar que recebe. «Eu não esperava isto», disse surpreendido, apesar de vir prevenido com um papelinho branco que tirou do bolso, repleto de nomes a agradecer. O actor aproveitou para pedir «direitos iguais para toda a gente», em alusão à sua personagem em «Milk», uma película biográfica sobre a luta de Harvey Mil, o primeiro políticos norte-americano a assumir a sua homossexualidade.

Este prémio era dado como certo a Mickey Rourke, e foram para ele as últimas palavras de agradecimento de Sean Penn, a quem tratou por «irmão». Mickey Rourke ganhou os BAFTA e Globos de Ouro nesta categoria a Sean Penn e esperava-se que ganhasse também o Óscar. Não foi desta.

As apresentações foram feitas por um quinteto de diferentes gerações de galardoados com um Óscar: Michael Douglas, Robert De Niro, Adrien Brody, Anthony Hopkins e Ben Kingsley.

Nomeados:

Sean Penn ( «Milk»)

Brad Pitt ( «O Estranho Caso de Benjamin Button»)

Frank Langella ( «Frost/Nixon»)

Mickey Rourke ( «The Wrestler»)

Richard Jenkins ( «O Visitante»)

Veja aqui as fotos

Redação