Jennifer Lawrence contou ainda à «Vanity Fair» que tentou escrever um comunicado a reagir à divulgação das fotografias, mas que sentiu que «não tinha nada pelo que pedir desculpa».

Segundo a atriz, as fotografias tinham sido enviadas para o seu ex-namorado durante uma relação «à distância».

Apesar do escândalo, Jennifer Lawrence não perdeu, no entanto, o sentido de humor. Quando recordava «o terrível momento» em que teve de ligar ao pai a contar o que se estava a passar, afirmou: «Felizmente, ele estava a jogar golfe, por isso estava bem-disposto».

O FBI ainda está a investigar a divulgação das fotografias e a atriz admite que está a ultrapassar o caso. «O tempo realmente cura. Já não estou a chorar, já não posso estar zangada. A minha felicidade não pode depender de apanhar estas pessoas, porque isso pode não acontecer», concluiu.