Morreu esta segunda-feira o ator Jean-Paul Belmondo, aos 88 anos. O artista ficou conhecido em 1960, depois de ter feito parte do filme "O Acossado".

Segundo o advogado Michel Godest disse à agência AFP, o artista "estava muito cansado desde há um tempo", tendo morrido "tranquilamente".

O ator, a quem chamavam ‘Bébel’, participou em cerca de 80 filmes e interpretou papéis inesquecíveis em filmes como “O Acossado”, de Jean-Luc Godard, no inicio da carreira, e “O Irresistível Aventureiro”, de Georges Lautner, na década de 1980.

António Guimarães