Um dos orcs da trilogia do Senhor do Anéis foi baseado no antigo produtor de Hollywood Harvey Weinstein, revelou Elijah Woods, ator que interpretou o personagem Frodo Baggins, no podcast Armchair Expert.

A revelação surgiu quando o ator recordava algumas das memórias que tinha da trilogia e lembrou-se de uma conversa que teve com o ator Sean Astin, que interpretou Samwise.

Ele tinha visto estas máscaras de orc e uma delas – e eu lembro-me disto vivamente – tinha sido feito com o propósito de ser parecida a Harvey Weinstein como um ‘vai-te lixar’”, contou.

Elijah Wood contou que a ideia surgiu da cabeça do realizador Peter Jackson, com quem Weinstein terá tido um desentendimento durante as conversações que antecederam as filmagens de uma das mais bem-sucedidas trilogias da história do cinema.

Acho que é okay falar sobre isto agora, ele está preso. Ele que se lixe”, afirmou.

De acordo com o ator, Weinstein terá mesmo ameaçado substituir Peter Jackson por Quentin Tarantino, uma vez que o produtor queria que o realizador adaptasse os três livros de J.R. Tolkien em apenas um filme.

Recorde-se que Harvey Weinstein foi o primeiro grande caso do movimento #MeToo, em que várias mulheres vieram a público denunciar a conduta sexual imprópria por parte de vários homens que ocupavam posições de poder.

Weinstein acabaria por ser acusado de violação em fevereiro de 2020, acabando por ser sentenciado a 23 anos de prisão.

Redação / JGR