A economia australiana deverá registar a primeira recessão em três décadas.

Dados oficiais mostram que a economia encolheu 0,3 por cento nos primeiros três meses deste ano, refletindo os incêndios que assolaram o país e também devido às restrições da pandemia.

Os economistas estão agora à espera que os dados do trimestre atual, confirmem que o travão na economia levou o país à recessão, mesmo depois de o governo e o banco central adotarem medidas para apoiar a economia.

“Este foi o crescimento mais lento ao longo do ano desde setembro de 2009, quando a Austrália estava no meio da crise financeira mundial, e apenas engloba os efeitos económicos iniciais da Covid-19”, disse o economista Bruce Hockman, citado pela BBC.

“A economia australiana está a passar um período muito difícil e está a passar a maior contração económica desde a década de 1930”, sublinhou.

No entanto, o economista acrescentou uma nota de otimismo: “É possível que a profundidade da crise seja menor do que o esperado inicialmente”.

 
Lara Ferin