Os 300 trabalhadores que vão ser despedidos da fábrica da Delphi, na Gurada, já estiveram reunidos com a direcção do Centro de Emprego e Formação Profissional (CEFP).

De acordo com o director do CEFP da Guarda, Armando Reis, entre segunda e quarta-feira foram realizadas, nas instalações da empresa multinacional, «nove sessões de informação e orientação» em que participaram os operários que vão ser despedidos no dia 31 de Dezembro, mas que já receberam as cartas de despedimento na semana passada, escreve a Lusa.

O Centro de Emprego tem como objectivo «facilitar-lhes a vida, quando, a partir do dia 4 de Janeiro do próximo ano se encontrarem na situação de desempregados» rematou o mesmo responsável.