O médio do Sporting Wendel foi detido pela GNR de Alcochete, esta quarta-feira, depois de ser apanhado a conduzir sem carta.

A detenção aconteceu durante uma fiscalização de rotina, na vila de Alcochete.

Wendel conduzia um SUV da Alfa Romeo, onde seguiam também a mulher do jogador e outros familiares.

Segundo apurou a TVI24, o brasileiro admitiu de imediato que não tinha carta de condução e não ofereceu qualquer resistência.

O jogador do Sporting foi constituído arguido e ficou com termo de identidade e residência, tendo de se apresentar no tribunal do Montijo, na quinta-feira, às 10 horas, para ser presente a juiz.

O futebolista disse estar arrependido, horas depois de ter sido detido pela GNR por conduzir sem carta em Alcochete, distrito de Setúbal.

Em casa, em família e arrependido. Aprender com os nossos erros torna-nos mais fortes. Focado na final [da Taça de Portugal] de sábado", escreveu o brasileiro na sua conta oficial na rede social Instagram.

Recorde-se que o Sporting defronta o FC Porto dentro de três dias, na final da Taça de Portugal.

Carolina Resende Matos