Portugal perdeu, este sábado, por 4-2 frente à Alemanha, e está a um ponto do primeiro classificado do Grupo F, a França, que não foi além de um empate com a Hungria.

A seleção alemã entrou melhor no jogo, mas foi Portugal, através de contra-ataque, a marcar primeiro, por Cristiano Ronaldo.

No entanto, ainda na primeira parte, a Alemanha concretizou a reviravolta, com dois autogolos em quatro minutos: um de Rúben Dias e outro de Raphael Guerreiro. Nunca uma seleção tinha sofrido dois autogolos num jogo de um Europeu.

Na segunda parte, a vantagem alemã adensou-se, com golos de Kai Havertz e Gosens.

Diogo Jota ainda reduziu, para 2-4, e Renato Sanches ainda esteve muito perto do 3-4, com uma bola ao poste, mas a vitória da Alemanha já estava sentenciada.