Sérgio Conceição estará a caminho do Nápoles. A notícia é avançada esta segunda-feira pelo jornal italiano Corriere dello Sport, um dia depois de o clube napolitano ter confirmado a rescisão com Gennaro Gattuso.

Rui Pedro Braz acredita que esta é uma “boa saída” para o técnico português devido à dimensão do clube italiano, no entanto, considera que o empate dos napolitanos na última jornada que afastou o Nápoles da Liga dos Campeões é um rude golpe nas aspirações europeias do treinador.

Uma negociação já muito adiantada desde o fim de semana, quando Sérgio Conceição toma a decisão de não permanecer no FC Porto e vai comunicar isso ainda hoje ao presidente do FC Porto”, revelou o jornalista da TVI Bruno Andrade, sublinhando que o treinador “viaja na quarta-feira para assinar contrato com o novo clube”.

Bruno Lage pode estar a caminho dos Wolves. Os comentadores da TVI falaram da saída de Nuno Espírito Santo do Woverhampton e da possível entrada de Bruno Lage para o comando da equipa mais portuguesa da liga inglesa.

Bruno Lage está parado desde a saída do Benfica (…) A informação que eu tenho é de que Bruno Lage embarcou para Londres para reunir com os responsáveis do Wolverhampton e acredito que há possibilidades muito fortes de vir a ser ele o treinador da formação mais portuguesa de Inglaterra”, explicou Rui Pedro Braz.

Jorge Jesus e Pizzi não pouparam críticas à arbitragem da final da Taça de Portugal. O jogador afirmou que a prestação da equipa de arbitragem do jogo foi “uma vergonha”, já o técnico apontou o dedo à escolha do juiz da partida.

Sobre se a expulsão do guarda-redes Hélton Leite no início da partida foi bem a assinalada, Rui Pedro Braz foi perentório: “É um erro e é um erro grosseiro”. O comentador da TVI questionou também a utilidade do VAR, sublinhando que, apesar de se compreender que um árbitro possa ter julgado mal um lance em campo, não existe motivo para que o VAR não analise o lance.  

João Guerreiro Rodrigues / JGR