Cândido Costa e Rui Pedro Braz analisaram, esta terça-feira, as potenciais movimentações de mercado dos três grandes nesta janela de transferências, no programa Mais Transferências.

As exibições do avançado benfiquista Raúl de Tomás, que têm ficado aquém das expectativas, levantam a hipótese de o jogador sair do clube por empréstimo, para ter os minutos de jogo necessários.

Existir a possibilidade de emprestar Raúl de Tomás, significa que algo correu mal”, comentou Cândido Pinto.

Para Rui Pedro Braz o futuro do jogador ainda passa pelo clube da Luz. “Ainda tem muito para dar ao Benfica”, afirmou, acrescentando que o “talento está todo lá”.

Outro dos temas em destaque no Mais Transferências foi a possível contratação de Bruno Guimarães. Para os comentadores da TVI24, a vinda do jogador brasileiro parece agora mais distante, devido aos valores exigidos pelo Athletico Paranaense.

Eu creio que 20 milhões não chegam para trazer Bruno Guimarães”, revelou Rui Pedro Braz. “O jogador tem uma clausula de rescisão de 40 milhões de euros, mas o Athletico quer pelo 30 pela totalidade do passe”.

 Os incidentes causados pelos adeptos no jogo entre o Benfica e o Vitória de Guimarães valeram aos clubes a instauração de um processo disciplinar. Uma situação que “não faz qualquer sentido” para Rui Pedro Braz.

A solução tem que passar pela responsabilização dos adeptos, individualmente, e não dos clubes”, disse o comentador.

Com derrota no Clássico, o Sporting ficou a 16 pontos do Benfica, o primeiro classificado. A derrota deixou claro algumas das lacunas do plantel do clube leonino, nomeadamente no setor do ataque.

As opções do Sporting para o ataque são muito curtas”, explicou Cândido Costa. “As opções que o Benfica e o Porto têm para o ataque não se comparam com o Sporting”.

Esta terça-feira, foi a vez de Jorge Jesus testemunhar no tribunal sobre o caso do ataque à Academia de Alcochete. Algo que para Cândido Costa, dado o bom momento que o técnico português vive, “é muito frustrante que tenha de se sujeitar a isto”.

Rui Pedro Braz destaca a parte do depoimento do treinador que contradiz Bruno de Carvalho. “Bruno de Carvalho diz que foi Jorge Jesus quem mudou o treino, contra as afirmações de todas as outras testemunhas”.

O Real Madrid e o Manchester United poderão estar prestes a protagonizar a grande transferência desta janela de mercado. Gareth Bale, Isco e Toni Kroos poderão estar a caminho da equipa de Manchester, em troca com Paul Pogba.

É um negócio vantajoso para todas as partes”, disse Rui Pedro Braz. “Seria facilmente o negócio do ano”.

/ JR