Quanto aos cânticos da Juve Leo contra Frederico Varandas no jogo do andebol do Sporting frente ao Belenenses, Nuno Dias que não sabe onde está o presidente verde e branco. O comentador acredita que há uma guerra aberta entre as claques e a direção de Frederico Varandas.

Rui Pedro Braz lembrou a contestação no Sporting contra a direção de Frederico Varandas, acrescentando que há muito tempo que um presidente verde e branco tem "paz" no clube. Frederico Varandas está há um ano no cargo e, salvo alguma circunstância especial, não deverá demitir-se do cargo e, por isso, terão de lidar com esta direção, que ainda tem três anos de mandato pela frente.

Quanto à proposta de introdução do voto eletrónico remoto, Nuno Dias considera que a pouca participação dos sócios nos momentos decisivos do Sporting é uma realidade que é necessário alterar. O comentador lembrou que apenas 1% dos sócios do Sporting participaram na última assembleia geral e acrescentou que devia ser possível o voto em qualquer zona geográfica e em segurança, para decisões mais democráticas.

Já Rui Pedro Braz optou por lembrar que há anos que se pode votar nas casas do Benfica um pouco por todo o mundo. O comentador acredita que deve ser possível votar à distância, porque um clube moderno tem de ter voto eletronico e à distância e recordou a disputa eleitoral entre Godinho Lopes e Bruno de Carvalho e a eterna dúvida que vai permanecer quanto a essa votação.