Os jovens dos 14 aos 30 anos podem escolher, a partir desta terça-feira, as melhores ideias para Portugal, votando em projetos no âmbito do Orçamento Participativo Jovem 2018.

Esta segunda edição tem um reforço de 200 mil euros face à primeira para a concretização dos projetos de investimento público. O orçamento total é de 500 mil euros, contra os 300 mil do ano passado.

Também o montante total de financiamento por projeto sobe para 100 mil euros. O valor anterior era de 75 mil euros.

Depois de uma análise técnica, foram escolhidos 232 projetos para votação até ao dia 16 de dezembro, nas áreas do desporto inclusivo, do diálogo intergeracional, da inovação cultural e da sustentabilidade ambiental.

Um total 71 projetos são da zona norte, 48 da zona centro, 30 de Lisboa e Vale do Tejo, 34 do Alentejo, 32 do Algarve, dois dos Açores e seis na Madeira.

Na anterior edição, de 2017, foram colocados à votação 167 projetos.