A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) defendeu ser “essencial” que existam linhas de apoio ao investimento para impulsionar a recuperação do turismo, face ao impacto da pandemia de covid-19.

Numa fase em que as empresas do setor do turismo concentram os seus esforços na atração de consumidores e na manutenção dos seus negócios, é essencial que existam linhas de apoio ao investimento para impulsionar a recuperação da atividade turística”, lê-se no último boletim diário da AHRESP.

No documento, a associação lembrou que o principal instrumento financeiro de apoio ao investimento – a Linha de Apoio à Qualificação da Oferta –, é exclusivamente direcionada para investimentos nas áreas de sustentabilidade e acessibilidade.

Apesar de reconhecer a importância destas duas componentes, a AHRESP considerou que os critérios de acesso à linha devem ser flexibilizados, de modo a que o apoio possa chegar “ao maior número de empresas possível e funcionar como um mecanismo de incentivo à retoma da atividade”.

. / HCL