A pandemia levou a TAP a registar prejuízos históricos. Só em 2020, a companhia aérea perdeu 1.230,3 milhões de euros, informou a empresa em comunicado.

Este é um agravamento superior em 12 vezes às perdas de 95,6 milhões de 2019.

De acordo com um comunicado enviado hoje pela empresa à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), "o resultado líquido do ano foi negativo em EUR 1.230,3 milhões", um agravamento dos prejuízos de quase 1.300% face aos 95,6 milhões de euros de 2019.

A companhia aérea lembra que "tal como em todo o setor da aviação a operação e resultados de 2020 foram severamente impactados pela quebra de atividade em resultado da pandemia de covid-19".

No documento, a companhia aérea adianta ainda que o número de passageiros transportados no ano passado diminuiu 72,7% face a 2019.

Apesar do cenário, a redução de 38% nos gastos operacionais ajudou a travar as perdas.

Lara Ferin . / LF