O desemprego pode ter subido ligeiramente de setembro para outubro. A estimativa provisória da taxa de desemprego de outubro aponta para 6,7%, mais 0,1 p.p. que no mês anterior, disse hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em setembro de 2018, a taxa de desemprego situou-se em 6,6%, menos 0,3 pontos percentuais (p.p.) que no mês anterior, menos 0,2 p.p. em relação a três meses antes e menos 2,0 p.p. que no mesmo mês de 2017.

"Aquele valor representa uma revisão nula da estimativa provisória divulgada há um mês. Desde setembro de 2002 que não era observada uma taxa de desemprego tão baixa", diz o INE.

Comparando com o mês precedente, a população desempregada diminuiu 5,0% (menos 18,0 mil pessoas) e a população empregada aumentou 0,2% (mais 8,8 mil pessoas).