O secretário-geral do PCP declarou hoje que a polémica com as declarações de rendimentos da nova administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) "é um problema que está colocado ao Governo do PS", que deverá decidir.

"É um problema que está colocado ao Governo do PS, que procurará com certeza garantir e salvaguardar a recapitalização, mas é o Governo do PS que decide", afirmou Jerónimo de Sousa, à margem de um encontro com "Os Verdes", em Lisboa, questionado sobre a possibilidade de alguns elementos escolhidos para o banco público desistirem de assumir funções.

Depois de semanas de polémica em torno do tema, a administração terá ameaçado demitir-se em bloco, se o Tribunal Constitucional não aceitar, pelo menos, manter as declarações de rendimentos em sigilo até ao final do mandato. A equipa de António Domingues já terá transmitido a posição ao Governo e ao Presidente da República, segundo noticiou hoje o Público.

Esta quarta-feira, Marcelo Rebelo de Sousa recebeu, em Belém o presidente da Caixa Geral de Depósitos. Ao que a TVI apurou, o presidente quis saber qual a disponibilidade de António Domingues para se manter à frente da CGD se fosse obrigado a entregar a declaração de rendimentos. O Tribunal Constitucional notificou os gestores do banco público para que entreguem os documentos. Resta aguardar.

/ Lusa/ ALM