“Baseado na análise do Programa de Estabilidade e tendo em consideração as previsões da primavera da Comissão, o Conselho considera que existe um risco de que Portugal não venha a cumprir as regras do PEC [Programa de Estabilidade e Crescimento]”, afirma o Conselho Europeu numa recomendação a Portugal, depois da análise dos programas nacionais de Estabilidade e de Reformas 2015-2019, no âmbito do Semestre Europeu.


Entre os 28 países da união Europeia, Portugal, França, Itália, Croácia e Bulgária são os países que apresentam desequilíbrios mais graves.



“riscos importantes”

Pedro Moreira