Os concursos de obras públicas promovido aumentaram 35% no primeiro semestre deste ano, face a igual período de 2019, enquanto os contratos de empreitadas celebrados caíram 22%, divulgou hoje a AICCOPN.

No primeiro semestre deste ano, os concursos promovidos “continuam a aumentar”, em 35% para 2.671 milhões, em termos homólogos, mas os contratos celebrados “permanecem em queda”, de 22% para 795 milhões de euros, segundo a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

A associação refere também que o valor atingido pelos concursos de empreitadas abertos e objeto de anúncio em Diário da República nestes primeiros seis meses é “o mais elevado em termos homólogos desde o início desta série que remonta a 2010 e supera mesmo os registos para a totalidade do montante anual verificado em seis dos últimos oito anos”.

No caso dos contratos de empreitadas celebrados por ajustes diretos e consultas prévias, a AICCOPN refere que totalizaram 186 milhões de euros, menos 2% em termos homólogos.

A associação realça ainda que, na globalidade, o total de empreitadas de obras públicas “objeto de celebração de contrato e registo no Portal Base até final de junho” perfez 1.102 milhões de euros, menos 14% em termos homólogos.

/ Publicada por ALM