O Governo da Madeira aprovou hoje a criação de uma linha de apoio de cinco milhões de euros a fundo perdido para os setores do comércio, restauração, marítimo-turísticas, agências de viagens e rent-a-car, para a manutenção das atividades.

A decisão foi tomada na reunião do Conselho do Governo Regional, que decorreu hoje, segundo um comunicado divulgado no final.

Esta linha visa a manutenção das atividades económicas e procura responder às dificuldades geradas pela pandemia da covid-19, precisa o executivo madeirense no comunicado.

O Governo decidiu ainda isentar arrendatários de espaços do setor público empresarial regional do pagamento de taxas, de rendas mensais e de licenciamento.

/ MJC