Os empréstimos concedidos pelos bancos a particulares para habitação continuaram a cair (-1,4%) em abril, assim como os empréstimos concedidos a sociedades não financeiras (-1%), segundo dados do Banco de Portugal (BdP) hoje divulgados.

Em março, as taxas de variação anual (tva) destes empréstimos tinham sido de -1,5% no caso dos particulares e -0,5% no caso das empresas.

Para o conjunto da área do euro, as tva nos empréstimos a sociedades não financeiras e a particulares (habitação) foram de 2,4% e 2,9%, respetivamente, por comparação com 2,2% e 3,0% verificadas em março.

De acordo com a informação estatística do BdP, os depósitos de particulares nos bancos residentes totalizavam 139,9 mil milhões de euros no final de abril de 2018, refletindo uma tva de 1,5%, mais 0,9 pontos percentuais do que em março e o valor mais elevado desde outubro de 2016.

Na área do euro, a tva dos depósitos de particulares foi de 3,2% em abril, que compara com 3,4% em março.

/ ALM com Lusa