A linha vermelha do metro de Lisboa vai ter quatro novas estações. A TVI sabe que a linha vermelha do Metro de Lisboa vai crescer, em breve, para sudoeste.

O Governo vai avançar com extensão da linha a partir da estação de São Sebastião. O trajeto passa pelas Amoreiras, segue para Campo de Ourique, Infante Santo e depois termina em Alcântara, na parte baixa da cidade.

O projeto tem um custo estimado em 400 milhões de euros e a obra deve arrancar em 2021 e terminar em 2024, com um custo orçamentado em 400 milhões de euros.

Quando concluída esta extensão da linha vermelha, milhares de cidadãos vão beneficiar em mobilidade, poupando tempo e o meio ambiente, com necessidade de utilizar menos vezes o automóvel. 

O crescimento da linha para a zona ocidental da capital até Alcantâra vai também aproximar  portugueses e turistas ao rio Tejo.

A TVI sabe também que esta expansão do Metro de Lisboa faz parte de um conjunto de investimentos que estão a ser preparados pelo Ministério do Ambiente.

É um projeto articulado com o Ministério das Infraestruturas e a Câmara Municipal de Lisboa.

O objetivo é relançar a economia no período pós-covid, mas também e não menos importante sublinha uma orientação estratégica em que economia e ambiente devem andar lado a lado.

Pedro Santos Guerreiro