A Qatar Airways já devolveu mais de mil milhões de euros (1,2 mil milhões de dólares) em reembolsos a clientes que foram forçados a alterar os seus planos de viagens devido à pandemia de covid-19, segundo um comunicado.

Em causa está a restituição de dinheiro a cerca de 600 mil clientes, desde março, indicou o grupo.

No contexto de um número sem precedentes de pedidos de reembolso e com a dificuldade em entrar nos mais variados países nos quatro cantos do mundo, a Qatar Airways trabalhou arduamente para processar quase todos os reembolsos solicitados desde março de 2020 (96%). A companhia aérea está agora a processar todos os novos reembolsos na forma original de pagamento em menos de 30 dias”, adiantou a companhia aérea, na mesma nota.

A Qatar Airways referiu que foi introduzida “uma política de reservas flexível” e que os bilhetes “agora são válidos por dois anos a partir da data de emissão”.

Os passageiros podem inclusive optar por alterar a viagem de destino gratuitamente com a frequência necessária, alterar a sua origem para outra cidade dentro do mesmo país ou qualquer outro destino da companhia aérea consoante o número de milhas, neste caso dentro de um raio de 5.000 milhas do destino original, trocar o bilhete para um futuro 'voucher' de viagem no valor de 110% do valor original do bilhete ou ainda trocar os bilhetes por Qmiles”, indicou a transportadora.

São 36% os passageiros da Qatar Airwyas que “selecionaram uma destas opções em vez de optarem pelo reembolso”, referiu a empresa.

A Qatar Airways garantiu ainda que “tomou uma série de medidas importantes para que pudesse fazer o maior número de reembolsos possíveis - mais de 10.000 por dia no auge da crise – aos passageiros que precisavam de alterar os seus planos devido à covid-19”, tendo aumentado as “suas capacidades de automação, o que permitiu que os pagamentos fossem processados automaticamente”, e assegurado 'vouchers' “disponíveis 72 horas após solicitação”.

A companhia está já a operar mais de 500 voos semanais para mais de 80 destinos em todo o mundo, salientou o grupo.

/ AG