Os empresários Joe Berardo e Manuel Fino, que estão entre os maiores devedores da Caixa Geral de Depósitos (CGD), serão ouvidos na segunda comissão de inquérito à recapitalização e gestão ao banco no dia 7 de maio, divulgou esta terça-feira à Lusa o presidente da comissão.

De acordo com Luís Leite Ramos, deputado do PSD que preside à comissão, as audições aos empresários Joe Berardo e Manuel Fino decorrerão no dia 7 de maio, uma terça-feira, de manhã e de tarde, respetivamente.

Nos dias seguintes serão ainda ouvidos os devedores da CGD Manuel Matos Gil (Artlant/La Seda) no dia 8, Diogo Gaspar Ferreira (Vale do Lobo) no dia 9 e Joaquim Barroca (grupo Lena) no dia 10.

Já na próxima semana serão ouvidos os antigos presidentes da CGD António de Sousa (2000-2004), Carlos Santos Ferreira (2005-2008) e Fernando Faria de Oliveira (2008-2011), confirmou Luís Leite Ramos.

Recorde-se que a CGD, BCP e Novo Banco entregaram no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa uma ação executiva para cobrar dívidas de Joe Berardo, de quase 1.000 milhões de euros, executando ainda a Fundação e duas empresas ligadas ao empresário.