O preço da eletricidade para os clientes finais em baixa tensão vai descer 0,6% para o ano, anunciou hoje a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), depois de em outubro ter proposto que as tarifas ficassem inalteradas.

Em comunicado, o regulador adiantou que “para os consumidores que permaneçam no mercado regulado (cerca de 5% do consumo total e menos de 1 milhão de clientes) ou que, estando no mercado livre, tenham optado por tarifa equiparada, a variação das tarifas de venda a clientes finais em baixa tensão normal (BTN) é de -0,6%”.

Estas tarifas entram em vigor em 1 de janeiro de 2021.

. / LF