A Arábia Saudita «é capaz de melhorar os preços do petróleo e garantir as reservas do mercado, se participarem os outros países produtores», afirmou o ministro, cujo país é o principal produtor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), cita a Lusa.












Redação / LF