A bolsa de Lisboa iniciou aquela que é a última sessão do ano a ganhar 0,12% para os 5.495,25 pontos, a seguir a tendência das principais praças da Europa.

A liderar as subidas está, novamente, o BCP que dispara já 4,58%, para os 0,137 euros, a beneficiar do possível interesse de bancos chineses, em especial na sua participação na sucursal na Polónia - Millennium Bank.

Já ontem o presidente a China Three Gorges, novo accionista da EDP, admitiu: «Eu não tenho interesse, mas os bancos chineses podem ter interesse no BCP».

O banco de Carlos Santos Ferreira tem vindo a valorizar em bolsa nos últimos dias, na expectativa de um possível interesse da China no seu capital.

PT, Galp, BPI, BES e Banif acompanham nos ganhos.

Já do lado oposto, EDP R, REN e Sonaecom - esta última a perder 2,25% - estão no fim da tabela.

Isto enquanto na Europa, as valorizações tocam os 0,76% de Madrid, que lidera assim o pelotão das principais bolsas do Velho Continente, a seguir as pisadas dos mercados asiáticos que encerraram no verde, com i Nikkei a ganhar 0,67%.
Redação / RL