Portugal é o segundo país da UE, a seguir à Irlanda, onde foram vendidos mais carros em 2010, quando no resto da Europa as vendas caíram 5,5 por cento no mesmo período, anunciou esta sexta-feira a associação europeia do sector, nota a Lusa.

Entre os 27 países-membros da União Europeia (UE) as vendas de automóveis em Portugal ascenderam a 223.491 unidades, tendo sido apenas superadas pelas da Irlanda, indicam dados fornecidos pela Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis (ACEA).

A evolução registada nas vendas de carros em Portugal pode ser explicada através da comparação com os números de automóveis vendidos nos últimos anos, embora a ACECA reconheça que 2009 foi um «ano negro» para a indústria automóvel.

As vendas de carros caíram 25 por cento em 2009, face ao ano anterior, com os especialistas da indústria a realçarem que há três anos as vendas de carros bateram nos mínimos históricos dos últimos anos.

Em Portugal foram vendidos cerca de 223.491 carros novos, quando em 2002 as vendas totalizaram as 228.574 unidades, em 2001 atingiram 255.244 unidades e em 2000 subiram para os 295.490 veículos.
Redação / LF