A Musgo, cadeia de lojas que tem duas unidades em Portugal, no centro de Lisboa, pediu protecção contra credores, depois de terem falhado as negociações para renegociar a dívida que tem junto do sector financeiro, e que já não consegue pagar.

De acordo com o jornal espanhol «El Mundo», as dificuldades da marca do país vizinho têm já algum tempo. Em Outubro do ano passado a Musgo recorreu à Lei Concursal espanhola para poder renegociar a reestruturação da sua dívida com os credores por três ou quatro meses, e evitar um pedido de falência.

Falhadas as negociações, a cadeia de lojas de moda e decoração viu-se forçada a dar o passo seguinte e pedir protecção contra credores.

A empresa que controla a maioria do capital da Musgo, a AC Desarrollo, com 87,5%, tentou encontrar um investidor para evitar a falência mas a gestora de capital de risco também não foi bem sucedida.
Redação / PGM