Zona euro precisa de uma "verdadeira união bancária"